<$BlogRSDURL$>

terça-feira, junho 29, 2004

Ausência 

Não digam nada. Perdoem-me a ausência prolongada.
A razão, facilmente perceptível, é mesmo a falta de tempo real. Comecei a trabalhar na semana passada; estive a trabalhar para a apresentação de um concurso que entregámos hoje. O resultado foi um fim de semana sem descanso e com poucas horas de sono. Para agravar a situação, trabalho num computador que não está ligado à rede e muito menos tem internet.
Devo dizer que estou a adorar. É uma luta para ver quem me pode ter. Todas as manhãs há discussões para ver quem pode ficar aqui com o escravo. E o escravo aceita de bom grado.
E a vida do trabalhador vai rolando. Aprende-se muito. Conhece-se algo mais. Mas a realidade é que há muitas imagens idílicas que se vão derrubando a pouco e pouco.

|

Comments: Enviar um comentário

 

This page is powered by Blogger. Isn't yours?